Rio de Janeiro: curtindo a cidade com a minha família

Rio de Janeiro: curtindo a cidade com a minha família

PorClarissaBravo

O Rio de Janeiro é uma ‘cidade de encantos e desencantos’. É um misto de sensações viver aqui. E eu vivo, particularmente, com duas crianças lindas, o Bernardo e o Henrique e meu marido, Marcelo.

Nós somos uma família que curte bastante a relação com a geografia do Rio e com as múltiplas opções de lazer que a cidade nos oferece. E como todas as famílias temos as preferidas de sempre.

Nesse post vou mostrar um pouquinho como são os finais de semanas na cidade maravilhosa com crianças e opções de passeios econômicos e super divertidos.

Parque dos Patins – Lagoa

O Parque dos Patins é o passeio ao ar livre preferido do meu filho mais velho, o Bernardo. Sempre que a disposição pinta, vamos pra lá. É um passeio barato, a vista é linda e ainda temos a opção de levar os brinquedos para eles interagirem com o parque sem que tenhamos que gastar os tubos com as atrações pagas (pula-pula, carro elétrico, escorrega inflável, piscina de bolas). E ainda levamos nosso lanche também. A única coisa que nós não abrimos mão é dos churros (risos).

O estacionamento custa R$2,00 pelo período de 2 horas. É esse mesmo o tempo que geralmente gastamos lá. Se o visitante não possui carro, a região é bem servida de linhas de ônibus, além da linha de integração com o metrô.

Lagoa Rodrigo de Freitas - Parque dos Patins - Vista para o Cristo Redentor
Lagoa Rodrigo de Freitas – Parque dos Patins – Vista para o Cristo Redentor

 

Parque dos Patins - Lagoa Rodrigo de Freitas
Parque dos Patins – Lagoa Rodrigo de Freitas

 

Parque dos Patins - Lagoa Rodrigo de Freitas
Passeio de bicicleta

 

Parque dos Patins - Lagoa Rodrigo de Freitas
Pescaria de copo

 

Quinta da Boa Vista – Museu Nacional

O Museu Nacional, que fica dentro da Quinta da Boa Vista, no bairro de São Cristóvão, uma das regiões mais tradicionais da zona norte carioca, é um espaço de cultura incrível para toda a família. Criado em 1818, é o maior museu de história natural e antropológica da América Latina. O acervo abrange fósseis de várias parte do mundo, animais empalhados, múmias do Egito antigo, indumentárias e objetos das mais diferentes civilizações e nações, povos e culturas, entre outras atrações.

As minhas crianças amaram o passeio e recomendaram para os amiguinhos da escola na semana seguinte.

Endereço: Quinta da Boavista, sem número, bairro São Cristóvão – Rio de Janeiro – RJ

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo, incluindo feriados, das 10 às 17h. Segunda feira das 12 às 17h.

Telefone: (21) 3938-6900

Preço: Inteira – R$6, meia entrada – R$3. Entrada grátis para crianças até 5 anos, funcionários e alunos da UFRJ e idosos acima de 60 anos. Podem ser concedidos descontos para famílias.

Bernardo e Henrique admirando os meteoritos
Bernardo e Henrique admirando os fósseis
DSC01294
Os meninos posando com o esqueleto de dinossauro

 

Museu de Arte do Rio (MAR) 

O Museu de Arte do Rio realmente nos surpreendeu, assim como toda a região da Praça Mauá, antes degradada, está revitalizada, movimentada e no dia que fomos, estava bem policiada. O comércio local se adaptou, oferecendo poucas mas agradáveis opções de restaurantes. A cidade está ganhando formas mais aprazíveis e divertidas: a população agradece.

Museu de Arte do Rio (Mar) - visão lateral
Museu de Arte do Rio (Mar) – visão lateral
DSC01858
Bernardo e Henrique brincando de subir e descer do monumento #CidadeOlímpica montado na Praça Mauá
DSC01872
Visão do terraço do MAR
Museu de Arte do Rio (Mar)
As crianças interagindo com as obras do museu

 

Endereço: Praça Mauá, 5, Centro – Rio de Janeiro/RJ

Horário de funcionamento: terça-feira a domingo, incluindo feriados, das 10 às 17h. Segunda feira das 12 às 17h.

Telefone: (21) 3031 2741

Preço: Inteira – R$8, meia entrada – R$4. Entrada grátis para alunos da rede pública de Ensino Fundamental e Médio, crianças com até 5 anos de idade, pessoas com idade a partir de 60 anos, professores da rede pública de ensino, funcionários de museus, grupos em situação de vulnerabilidade social em visita educativa, vizinhos do MAR, guias de turismo.

Site: http://www.museudeartedorio.org.br/pt-br

 

Domingo no Maracanã

Nosso núcleo é torcedor do Vasco da Gama, ora pois! E, a ala mais engajada é composta do meu irmão Diogo.

Na última decisão do Campeonato Carioca (2015), apostamos e ganhamos uma experiência única: ao mesmo tempo que fomos campeões após 12 anos de jejum no carioca, foi a primeira vez que meu filho Bernardo pisou no Maracanã. Inesquecível! E passeio mais carioca que ir ao Maracanã no domingo, impossível! Recomendo.

 

IMG_3768 IMG_3767 IMG_3766 IMG_3765

 

 


Comentários

  1. Eu sempre digo isso: Uma vida não é suficiente par explorar, no todo, o lugar onde vives, seja este lugar qualquer um que seja. E isso acaba reforçando minha preguiça endógena, em sair da toca.

    Este roteiro, apresentado por Elaine, traz – em tese- muito do já conhecido. Mas é bem interessante observar que, embora o Rio seja o RIO (sim…com maiúsculas, mesmo) ele não se satisfaz, apenas, com a farta beleza natural, com o qual o Criador lhe auferiu.

    A carioquice reside nos jogos do Maraca, logo após um programinha cultural em alguns de seus Museus. E sim.não há um Louvre, eu sei…. Mas , para isso existem os Groupons e Pexes Urbanos da vida, que, mesmo em seja na baixa temporada, te levarão para lá em 12 vzs sem juros.

    Mas eu falava do Rio e, da “viagem” de Eliane, não é mesmo? Pois então… Nada melhor do que exista no Rio, que essas viagens de “nativos”. Poucos turistas de carteirinha, poderiam apreciar algo além do que nos mostram os cartões postais. E Eliane, mostra-nos que não é preciso andar com Euros ou Dólares, para gozar do muito que o Rio possui. Se fizermos as contas, direitinho, o que ela gastou, na aventura que nos relata, não paga uma garrafa de bom vinho.

    Deliciei-me ao ler o texto. E fiquei feliz por lembrar que nasci aqui, e que falta, ainda, muito a descobrir na Cidade Maravilhosa.

    E…para isso…conto com vocês, meninas.

  2. Obrigada, Ogro. Fico feliz que tenha gostado do nosso post. O Rio é uma cidade incrível e os cariocas podem e devem desfrutar de toda essa belezura.