Europa para apaixonados…pela vida !

Europa para apaixonados…pela vida !

Por Márcia Rostheuser

@se_joga_no_mundo

Cada curvinha que vemos em foto e extasiamos, não chega nem perto do que é sentido pessoalmente.

Aquele cheiro, a brisa vindo sei lá de onde tocando a nossa face suavemente e dizendo, sim, isso é real, aproveite.

A Europa tem o dom de nos deixar com a respiração presa entre o peito e a boca e os olhos úmidos de amor pela vida.

Ah quanto pulsa cada história que foi vivida ali entre muros e rios, em fugas e esconderijos de amor, que desde sempre, foi o palco mais famoso e intenso que já podemos ler.

Lembro de cada visita com a mesma intensidade e confesso, que feliz é quem viver ali uma louca paixão para protagonizar, a sua própria estória…ainda que longe de livros e talvez por isso, mais genuíno e especial.

Tem a de Camille, Chanel, Emma, Inês, Carmem imaginária porém real em cada tabacaria…tem Isabel, Maria, da louca, Callas a outras mais discretas, mas sempre estórias e mais estórias que ilustram a nossa, a história da humanidade, ávida sempre por sonhos e rotas de fuga da realidade.

foto_viagem_02

 

Eu permeio meus sonhos entre pequenos vilarejos de Portugal, passando ali por Sintra, para mim a mais bela cidade pra cá do Marão, daí mergulho em Sevilla e posso ouvir a Habanera na antiga tabacaria, apesar do atual ir e vir dos estudantes da Universidade, então caio de amores por qualquer vilinha ou aldeia perdida na Itália, seja pela Toscana ou Umbria, quanto menor, melhor e mais autêntica.

Para não ser repetitiva, sugiro que permita-se sonhar e viver mais ainda na França, ame cada roseiral e imagine cada um que contemplou ou deu uma flor na primavera de Giverny, nem precisa pensar nas pinceladas de Monet, porque ai já é covardia.

foto_viagem_05

 

Deixe-se viver a sensualidade da Grécia, e vá direto a Mikonos, não importa se sozinha ou acompanhada, você nunca vai estar tão sexy, seduzindo a vida, flertando com aquele azul Mediterrâneo, estirada ao sol e a luz que só foi ao encontro da sua própria energia.

foto_viagem_04

 

E aproveitando a vizinhança e já segura de que o que importa é você, voar e viver o que te faz feliz, voe num balão pela Capadócia e contemple o quão grande pode ser a sua vida, se você é claro, permitir.

foto_viagem_03

 

Há outros amores e cores pela mesma Europa, mas acho que para começar, tá bom, né?

A Europa não é um continente a ser visitado, a Europa é o pulso vital de quem quer viver a vida do Velho Mundo, com o coração aberto a tudo que for novo e vier trazer amor, de todas as formas.

E como se diz em Portugal: bem vindo seja, quem vier por bem.